Região de Maule, Chile1307

Região de Maule, no Chile: quando a diversidade da natureza surpreende

Vinhedos patrimoniais, mar, montanhas, lagos e parques nacionais são apenas algumas das belezas que podem ser visitadas na Região do Maule. O lugar é ideal para viver as tradições chilenas e provar uma deliciosa gastronomia com sua variedade que vai desde peixes frescos, frutos do mar, até uma tradicional comida campestre, como as famosas empanadas  e sopaipillas con pebre. Lugar onde a diversidade da natureza realmente surpreende!

Localizada na zona central do Chile, apenas 3,5 horas de carro de Santiago, a região de Maule se destaca pelas várias opções de passeios. A dica é passar pelos menos dois dias (não recomendo fazer bate e volta) para não deixar de conhecer lugares imperdíveis.  Eu passei 3 dias percorrendo a região e fiquei realmente surpresa com o que vi. Acredito que em breve será mais uma região de referência em turismo no Chile.

Região de Maule, Chile

Em 2016, por causa do calor intenso, Maule foi bastante afetada por incêndios, mas deu para perceber que as autoridades estão trabalhando pela recuperação das áreas queimadas.  Além disso, existe uma preocupação efetiva com a sustentabilidade, bom atendimento e a potencialização do turismo local. E agora vou contar alguns passeios que podem ser feitos por lá,  para sair do tradicional e viver uma experiência diferente no Chile. Poderia até dizer que é uma experiência mais rural no Chile, mas também vamos passar por praias, lagos, vinhedos… Então venha comigo! O post ficou grande, mas vale ler até o final para ter a oportunidade de conhecer mais esse pedacinho hermoso de Chile.

Região de Maule, Chile

Cauquenes – Vinhedos Patrimoniais

A rota tradicional do vinho na região é o Valle de Curicó, porém,  fomos conhecer Cauquenes – cidade pequena mas também famosa por uma produção diferente. Os pequenos produtores da região estão trabalhando na recuperação e valorização da cepa país, criaram uma associação de pequenos vitivinicultores e estão ganhando força e produzindo vinhos de qualidade.

Região de Maule, Chile

Quando falo pequenos produtores, são pequenos mesmo, produção de 800 garrafas por ano. No entanto, é bem emocionante ver, por exemplo, o Senhor Fernando Hernríquez, de quase 80 anos, contar com orgulho que o vinho dele, Los Monjes, foi premiado na 3ª Fiesta del Vino País de Cauquenes.

Isso é parte do trabalho conjunto que a associação faz. O Concurso Cepa País foi criado para motivar os pequenos produtores a produzir seus próprios vinhos, devido ao fato de que, antes da associação, a maioria deles vendia as uvas ou produzia o vinho e vendia sem engarrafar, a granel, como se diz aqui. Os vinhedos patrimoniais são chamados assim porque são plantações de mais de 100 anos. E Cauquenes é a cidade originária da cepa país e a maior produtora dessa uva no Chile.

Região de Maule, Chile

A vinícola que conhecemos na cidade foi a San Clemente – El Molino Cocina Goumert. Quando chegamos, já nos esperávamos com um deliciosa comida de campo. Comemos um salada de grão de bico de entrada, purê mar y tierra com cordeiro de prato principal e a sobremesa foi pera al vino país.

Região de Maule, Chile

Tudo muito simples, mas feito com o maior carinho do mundo. À medida que serviam a comida, nos contavam com orgulho que os produtos eram todos locais. A alface é do quintal do fulano, o cordeiro foi criado pelo ciclano. Quem nos acompanhou nesse almoço e nos deu uma aula sobre a produção de vinhos na região foi o Vicente Loyola – enólogo especialista na cepa país.

Região de Maule, Chile

Depois do almoço tivemos uma prazerosa degustação de vinhos com os produtores que fazem parte da Associação dos Vitivinicultores de Cauquenes, cada um contando sua história e mostrando com orgulho seu vinho que, depois da criação da associação, tem nome e etiqueta.

A vinícola San Clemente conta com um pequeno spa e uma linda área verde.

Região de Maule, Chile

 Constitución – Cidade Praiana

Saímos de Cauquenes e fomos para Constitución, conhecida também como Balneário de Constitución que se destaca pela formação rochosa e pela areia cinza (quase preta) das praias, algo bem diferente para nós brasileiros.

Região de Maule, Chile

O Rio Maule pode ser conhecido em um tour  de catamarã que dura em média 1h30 e passa pela Ponte Cardenal Raul Silva Henrique, a segunda mais comprida do Chile, com 900 metros de largura, passando também pela Ilha Cancun. O catamarã passa no encontro do Rio Maule com o mar. Um passeio bem gostoso que custa entre $2.000 e $5.000 (R$10,00 e R$25,00).

Região de Maule, Chile

 Região de Maule, Chile

Também fizemos um outro tour para conhecer o porto e as rochas milenárias da região. O Porto de Constitución foi inaugurado em 1976 e é suspenso, como se fosse uma ponte. Me deu um certo medinho caminhar sobre o piso vazado. Nesse lugar, a atividade de pesca artesanal e vendas de peixes frescos é uma tradição.

Região de Maule, Chile

Saindo do porto, fomos apreciar as diversas formações rochosas do zona costeira, começando na praia “los Gringos” até a foz do Rio Maule. É possível ver a Piedra de las Ventanas, Piedra del Elefante e, em destaque, a Piedra de la Iglesia, com uma altura de aproximadamente 9 metros. Sobre as pedras, várias gaivotas, pelicanos e outras aves. Segundo o guia que nos acompanhou, as rochas são fontes de inspiração para diversas lendas sobre piratas e naufrágios nessa região.

Região de Maule, Chile

Região de Maule, Chile

Região de Maule, Chile

Onde comer:

  • Restaurante Casa del Mar – especialista em peixes e frutos do mar. Não deixe de provar a Reineta en Sarten com salsa Casa Mar. Estava de cair o queixo!
  • Para ver as avaliações do restaurante no TripAdvisor é só clicar aqui. 

Região de Maule, Chile

  • Restaurante Rompe Olas – o forte aqui também são os peixes e frutos do mar. O pastel de jaiva e ceviche estavam esplêndidos. 
  • Para ler as avaliações do restaurante no TripAdvisor é só clicar aqui.

Região de Maule, Chile

Onde se hospedar:

  • Hotel Sweet Drams – Para fazer reserva pelo booking com desconto, clique aqui.

Iloca

Iloca é outra cidadezinha praiana que me encantou. Foi nesse lugar que conheci um projeto lindo e fiz um passeio que me surpreendeu completamente. É o seguinte: pelas regras de pesca chilena, os pescadores só podem pescar 3 vezes por semana, uma forma de não saturar o mercado e preservá-lo. É quase impossível viver somente de 3 dias de trabalho, no entanto, tirando proveito de viver num local de uma intensa variedade de aves silvestres, decidiram criar um tour de observação de aves no seu habitat natural.

Região de Maule, Chile

O projeto é comandado pelo Sindicato dos Pescadores Artesanais do  Río Mataquito La Pesca com fins turísticos e conservação do lugar. O nosso passeio foi feito num barco super pequeno e sem conforto, mas o presidente do sindicato nos contou que, em breve, terão um barco maior.

Nessa observação, é possível avistar mais de 60 espécies. E minha grande surpresa foi chegar numa parte do rio e ver várias gaivotas voando. Foi realmente uma cena linda que vai demorar sair da minha cabeça. Foi possível ver vários ninhos com ovos, sinal de que a espécie está feliz no seu habitat natural.

Região de Maule, Chile

Região de Maule, Chile

Região de Maule, Chile

O lugar é lindo e, em alguns momentos, pensei que estivesse no deserto, por causa das dunas de areia que tem no local. Fica localizado exatamente no encontro do mar com o Rio Mataquito,  Playa La Trinchera. O tour de observação das aves custa entre $3.000 e $5.000 Pesos Chilenos (R$15,00 e R$25,00).

Região de Maule, Chile

Região de Maule, Chile

Vichuquén

Mais um lugar da Região de Maule que ficou guardado no meu coração. Depois do surpreendente  passeio de observação de aves, partimos para Vichuquén. Chegamos no Hotel Marina Vichuquén, que, por sinal, é muito bonitinho. Fiquei encantada com o local, à beira do rio, pena que foi uma passada rápida e nem consegui entrar para conhecer os quartos, mas já quero voltar com a família.

Região de Maule, Chile

Região de Maule, Chile

Dali, saímos para um passeio de lancha pelo Rio Vichuquén.  Água azul e uma vista maravilhosa. Por mim, ficaria mais tempo apreciando a beleza desse lago. Na verdade, acho que sou mais amiga dos lagos e rios do que do mar. Sei lá, acho que me passa mais tranquilidade.

Região de Maule, Chile

Cruzamos o lago em lancha e fomos conhecer a Playa Llico, que fica na desembocadura do lago Vichuquén com o mar. Está localizada a 20 quilômetros de centro de Vichuquén, ideal para a prática de esporte. Também prevalece a cor cinza escura da areia e dunas.  Uma tradição aqui é a procissão de San Pedro, realizada no dia 29 de junho, onde os pescadores e moradores de Llica tomam conta das ruas e terminam a celebração na praia.

Região de Maule, Chile

 Passamos também bem rápido pela Reserva Nacional Laguna Torca, mas já era hora de pegar a estrada de volta para Santiago. Essa lagoa foi declarada como santuário nacional por sua beleza e pela preservação de suas paisagens. A reserva conta com 80 espécies de aves. Lugar ideal para respirar ar puro, caminhar ou mesmo descansar na sombra de uma árvore.

Região de Maule, Chile

Onder comer:

Onde se hospedar:

  • Hotel Marina Vichuquén – Para reservar com desconto pelo Booking, clique aqui.
  • Hotel Parador Vichuquén – Para reservar com desconto pelo Booking, clique aqui.

A Região de Maule oferece vários opções para se desconectar da cidade, além da oportunidade de ver praias, rios, lagos e ainda tomar um bom vinho numa vinícola com parreiras centenárias, comer uma comida típica chilena e respirar ar puro. No próximo post sobre a região quero montar um roteiro para passar 2 dias aproveitando essa linda experiência em Maule.

Região de Maule, Chile

Viagem feita a convite da Sernatur Maule, através da AchileTB. Agradeço o convite e a oportunidade de apresentar a Região de Maule aos brasileiros. 

Texto revisado pela minha amiga Bárbara Mussili, que sempre com muita gentileza, contribui com as correções dos meus texto. Ela é uma carioca muito fofa, tem paixão pela leitura e escreve o blog Refúgio Ameno.

Planeje sua viagem com a gente!

Fazendo suas reservas aqui pelos links do blog você não paga nada a mais por isso, e ainda ajuda na manutenção da nossa página. Nossos parceiros foram escolhidos a dedo. Então não custa nada ajudar a gente.

 

Artigos Relacionados

About the Author

Rosi Guimarães
Author with 236 posts
More about Rosi Guimarães

Sou Rosi Guimarães, mineira de Belo Horizonte, casada com Flávio e mãe do Arthur e da Yasmim. Moramos no Chile desde 2014. Relações Públicas e pós-graduada em cerimonial e organização de eventos. Deixamos uma vida bem estruturada em Belo Horizonte e cá estamos: NÓS NO CHILE!
- Facebook: nosnochile
- Twitter: @nosnochile
- Instagram:@blognosnochile
- snap: blognosnochile

Gostou? Deixe aqui seu comentário

A AUTORA

Rosi Guimarães

Sou Rosi Guimarães, mineira de Belo Horizonte, casada com Flávio e mãe do Arthur e da Yasmim. Moramos no Chile desde 2014. Relações Públicas e especialista em cerimonial e organização de eventos. Deixamos uma vida bem estruturada em Belo Horizonte e cá estamos: NÓS NO CHILE!

Rentcars - Nós no Chile
10% de desconto - Brazilian Travel Card

TEMPERATURA

Santiago - Chile
19°
Weather from OpenWeatherMap