Está buscando o que fazer em Santiago do Chile a noite?

Saiba que, se comparada a outras capitais do mundo, a chilena não é a mais agitada, mas existem opções muito boas para aproveitar aqui. 

A dica é que a balada em Santiago começa e termina mais cedo que no Brasil e, muitas vezes, é preciso reservar hora para entrar nos locais.

Isso porque, o forte aqui são os bares e restaurantes que têm música ao vivo ou dj. Aqui vai a minha sugestão de 7 lugares para sair à noite em Santiago.

1 – CV Galeria 

Localizada em Vitacura (Alonso de Córdova 4355), a CV Galeria oferece várias opções de restaurantes e bares em Santiago. Na verdade, o espaço mescla arte, arquitetura e boa gastronomia. 

Entre as opções de restaurantes estão os peruanos Barra La Java e La Picantería, o gastrobar Malva Loca, com várias opções de coquetéis, assim como o La Barra (que oferece uma mesa de bar no centro da galeria), La Dicha e Restaurante Fe.

O destaque vai para o Lolita Jones, uma apaixonante mistura da gastronomia nova-iorquina com toques latinos, em um ambiente moderno e acolhedor.

A CV Galeria tem estacionamento no local, que fica aberto até 1h da manhã, assim como a maioria dos restaurantes.

 

 

2 –  Calles Alonso de Córdova e Nueva Costanera

Em Vitacura, as calles Alonso de Córdova e Nueva Costanera abrigam os restaurantes em umas das áreas mais nobres de Santiago. Aqui a proposta é comer bem e em um ambiente altamente requintado.

Se eu fosse você, não iria embora do Chile sem comer um ceviche e tomar um pisco peruano no La Mar, uma autêntica cebicheria peruana, cuja matriz em Lima está na lista dos cinquenta melhores restaurantes latino-americanos de 2017.

Outra boa opção é o DonDoh, única parrilla japonesa onde o elemento central é o fogo de uma robata. Ambiente muito agradável e bem decorado. O prato chefe e mais pedido na casa é o asado de tira, cozido por 48 horas. A carne derrete de tão macia.

Coco Pacheco é o chef e fundador do restaurante Aquí está Coco, de raízes chilenas. É um restaurante tradicional e inovador ao mesmo tempo. Ideal para quem quer provar as delícias do mar e com opções para os carnívoros, como diz o menu.

Na Alonso de Córdova, o Lorenza Bistró se destaca como um bar, restaurante e balada em Santiago. A certa hora, o restaurante dá espaço para música alta, com direito a performances de artistas. 

 

3 – Isidora Goyenechea 

A calle (rua) Isidora Goyenechea, entre Av. Vitacura e El Golf (Las Condes), é um dos lugares mais requintados para sair à noite em Santiago.

A rua abriga restaurantes e bares famosos da cidade com todos os tipos de comida que se possa imaginar. 

Já falei de muitos desses restaurantes aqui no blog, mas entre o mais conhecidos destaco o ítalo-americano Nolita, as carnes argentinas do La Cabrera, a sempre badalada pizzaria Tiramisú, a comida peruana do Ica, e o Margó, um dos restaurantes do Hotel W. 

Vale ressaltar que os valores aqui nessa região podem ser mais altos se comparados a outros como o Pátio Bellavista, por exemplo.

Mesmo assim, não deixe de fazer reserva com antecedência pois estes restaurantes costumam ter muita procura.

 

 

4 – Parque Araucano

Já foi a um bar dentro de um parque? Sair a noite em Santiago tem opções para todos os gostos. No Vida Parque, dentro do Parque Araucano em Las Condes (Av. Presidente Riesco, 5330), você vai encontrar bares com música ao vivo e dj de quinta a domingo. 

O Bar La Virgen oferece tábuas de frios, sanduíches, ceviches, carnes e diversos coquetéis. Agora, quem já está com saudades do Brasil pode ir conhecer o Buteco, um bar com comidas típicas do Brasil. Brincadeiras à parte, o local é sempre um dos mais animados. 

 

 

5 –  Calle Orrego Luco

No coração de Providencia, a calle Orrego Luco é uma ótima para aproveitar sair a noite em Santiago, com pubs e restaurantes, em um ambiente ao ar livre em uma rua sempre movimentada.

A oferta gastronômica é variada nesta região. A arquitetura neoclássica de estilo francês dá um clima bem interessante e boêmio aos bares e restaurantes do local.

O destaque é o De la Ostia, um restobar com opções de tapas, cervejas, vinhos e sangria. Quem gosta de cerveja precisa conhecer a Kross (cervejaria chilena) que tem um bar no local, com opções de chopp e cervejas de garrafa. 

 

 

 

6 – Calle Manuel Montt

Localizada também em Providencia, a Manuel Montt é uma rua com muitos bares, frequentada por jovens universitários.

A proposta é comer e beber ao ar livre, com mesas nas ruas. Aqui vale a visita para quem está buscando um local para tomar um drink com amigos.

No entanto, há boas opções de comida como o Meze, restaurante de cozinha turca, e o Padthai, para os amantes de cozinha tailandesa.

 

 

7 – Patio Bellavista 

Para quem prefere um ambiente mais descontraído e também preço mais acessível, o Patio Bellavista é uma opção.

Localizado num bairro com o mesmo nome (Constitución, nos 30 a 70), é um shopping aberto sempre cheio de brasileiros, que oferece opções de música ao vivo, stand-up comedy e apresentações. Aqui você confere a agenda mensal.

Entre restaurantes e bares, você encontra boas opções de carnes e sanduíches, comida japonesa, mexicana, venezuelana e colombiana, além de muitos coquetéis e pratos para petiscar e desfrutar com os amigos.

O espaço fica aberto até mais tarde, principalmente aos sábados e conta com estacionamento. A única desvantagem é que está localizado numa região onde acontecem sempre os protestos no Chile.

Por isso, fique de olho antes de ir, principalmente nas sextas-feiras.

 

 

Afinal, comer no Chile é caro? Veja as dicas no meu post sobre o preço de alguns pratos aqui na capital.

 

Instagram dos locais citados no post:

CV Galería (@cvgaleria_) • Fotos e vídeos do Instagram

De La Ostia (@delaostia_cl) • Fotos e vídeos do Instagram

PatioBellavista (@patiobellavista) • Fotos e vídeos do Instagram