Tour e degustação de vinhos Premium na Vinícola Santa Rita

por Rosi Guimarães

Além de ser uma das mais visitadas por turistas brasileiros, a Vinícola Santa Rita fica pertinho de Santiago, abriga o Museu Andino com mais de 3 mil itens, o restaurante Doña Paula e uma cafeteria. É claro que não é minha primeira vez por lá, mas voltei para um tour Premium com degustação de vinhos e para um passeio pelo jardim interno da casona, como é chamada a construção principal. Leia aqui sobre o meu tour em 2016.

Passeio pelo Jardim da Vinícola Santa Rita

A casona Santa Rita é do ano de 1720 e tem uma história que enche de orgulho a todos os chilenos. Nesta época, Doña Paula “escondeu” 120 soldados no subsolo da fazenda. Eles lutavam pela independência do Chile e tiveram que fugir após serem derrotados na batalha de Rancagua.

O tour passa pelo local, onde assistimos um pequeno vídeo contando um pouco dessa história. Esta visita guiada é um pouco diferente das outras que já fiz na vinícola. O objetivo não é mostrar o processo de produção do vinho, mas sim passear pelo jardim centenário de quarenta hectares da propriedade. Nesse jardim, projetado pelo paisagista francês Guillermo Renner, com um estilo que mescla características francesas, italianas e americanas, é possível observar árvores centenárias, estátuas, fontes e até uma parreira de uva Moscatel do ano de 1800.

A Capela Santa Rita também faz parte do jardim centenário, possui estilo gótico e é utilizada para eventos e casamentos. Tem também o hotel Casa Real com dezesseis luxuosos quartos. Já quero voltar para ficar pelo menos uma noite e contar a experiência aqui pra vocês.

Quem nos acompanhou e explicou sobre o jardim foi o guia brasileiro Sillas. Era final de inverno, então as folhas estavam secas. Acredito que deve ficar bem mais bonito na primavera e no verão. Inclusive, há um bougainville enorme na lateral do hotel que,  segundo o guia, já levou o prêmio por ser o maior do Chile. Porém, estava tudo seco, esperando a primavera para voltar a florescer.

Durante o trajeto no jardim, o guia contou fatos bem interessantes, como a existência de um baño romano, o que dá uma impressão de volta ao passado, de que você não está na região central de Santiago.


A Degustação de vinhos Premium

Outro diferencial desse tour são os vinhos degustados. A Santa Rita é uma vinícola de grande produção, com uma média de oitenta milhões de garrafas por ano. Desse total, grande parte são vinhos mais populares, mas a vinícola também produz vinhos chamados de alta gama, ou seja, de qualidade superior. Foram esses que degustamos.

Vinhos de alta gama são vinhos de maior qualidade e processo de produção mais refinado em que se escolhem as melhores uvas. O tempo de guarda também é muito maior.

Carmem Winemarkers

A vinícola Carmen faz parte do grupo Santa Rita, por isso esse vinho faz parte da degustação. É um blend de Carménère, chamado de linha de autor do enólogo. Sua cor é o carmim e seu aroma é de frutas vermelhas. Muito bom, mas não foi o meu preferido.

Triple C

Tem esse nome por ser um blend de uvas começadas com a letra C: 5% Cabernet Franc, 30% Cabernet Sauvignon e 5% Carménère. A cor é intensa e os aromas são marcantes. É fácil de tomar, mas também não foi o melhor pra mim.

Bougainville, Safra 2013

Esse sim foi o meu preferido da degustação. Um Petit Sirah com aroma adocicado que lembra frutas negras como a ameixa seca. Pouca acidez, fácil de tomar e com um sabor final que lembra chocolate. Que delícia de vinho!

O que mais me surpreendeu neste tour foi a qualidade dos vinhos e a tranquilidade do guia no momento da degustação, sem correria e sem pressa, no tempo ideal para degustar e comparar os vinhos, acompanhados dos queijos e frutos secos. Boa pedida para quem provar uma linha de vinhos mais exclusiva da vinícola.

Além deste tour, a Santa Rita oferece outros tipos de visitas guiadas. Minha dica: saia do tradicional, opte por algo diferente que realmente agregue valor e fique para sempre na sua memória.

Clique aqui para consultar os tours oferecidos pela Santa Rita.

Como chegar:

Você pode contratar uma das nossas agências parceiras ou, se preferir ir por conta, saiba como chegar. Só não vale alugar carro. Bebida e direção não combinam.

Posts Relacionados

Gostou? Deixe aqui seu comentário