Como conhecer as Termas Valle de Colina no inverno

por Rosi Guimarães

Galerinha,

Nem eu sabia, mas as Termas Valle de Colina, em Cajón del Maipo, estão abertas nesse inverno e dá para curtir as águas quentinhas provenientes do vulcão San José mesmo no frio.

São 8 piscinas naturais ao ar livre com a temperatura variando entre 24 e 55  graus. As águas são mineralizadas, provenientes do vulcão San José e prometem relaxamento e alívio de dores no corpo. 

Quem me segue no Instagram @blognosnochile, acompanhou esse passeio comigo. Saímos de Santiago cedinho, mais precisamente às 6h30 da manhã, em direção a Cajón del Maipo. Vale lembrar que Cajón del Maipo não está fechado, o que está sem acesso é a estrada para o Embalse El Yeso. Leia este post para entender. 

Já na entrada de Cajón, paramos ao lado do Río Maipo onde o guia Bernardo explicou um pouco sobre o lugar. Neste dia, fazia muito frio: 3 graus. A segunda parada foi na Plaza Central de San José del Maipo, onde há locais para tomar café e usar banheiro. Dali pra frente fica mais restrito este tipo de conveniência.

Continuamos o caminho para dentro de Cajón del Maipo e paramos no túnel Tinoco, onde o Bernardo  explicou um pouco da história do túnel e aproveitamos para tirar lindas fotos. Ele nos contou que Maipo significa tierra fértil, segundo a língua indígena Mapudungún.

Como são as Termas de Colina no Inverno?

Depois de mais umas duas horas e algumas paradas, inclusive numa linda  cachoeira, chegamos no Valle de Colina. Tudo branquinho de neve. Caminho bem complicado, não é qualquer carro que consegue chegar. A gente estava num 4 X 4, com um guia bem experiente e conhecedor do caminho, então não tivemos nenhum problema. Não recomendo alugar carro para esse passeio, a estrada é sem sinalização e sem internet. Acredito que também seja difícil chegar com van.

Outra vantagem de visitar as Termas de Colina no inverno é que é bem mais vazio. Fomos uns dos primeiros a chegar e conseguimos curtir as piscinas naturais vazias. Depois das 13 horas, foi chegando mais gente, mas não ficou lotado como geralmente fica no verão.

Assista o vídeo no nosso canal!

 Atenção!

este passeio não inclui lanche, então é importante levar algo para comer. Água também é imprescindível. No dia que a gente foi, a temperatura variou entre 3 e 14 graus, então tem que estar com roupas preparadas para o frio. Roupa de banho, toalha e chinelos também são imprescindíveis.

Outro detalhe é que a estrutura do lugar deixa a desejar, o banheiro é bem precário. Então, se tiver buscando conforto, esse passeio não é pra você.  Mas se quiser contemplar a natureza e sentir as boas energias das montanhas, aí sim você vai curtir.

Ficamos lá por umas 4 horas. Ficamos encantados com a beleza do lugar, pegamos um dia de frio e sol, então estava perfeito. O casal que estava comigo ficou surpreendido com o passeio. Adoraram a água quentinha.

E veja isso! Vocês não vão acreditar. Eu não levei roupa de banho, mas tenho uma explicação: quando fui no verão, estava tão cheio e as piscinas naturais estavam bem sujas que, logo, saí de casa com a certeza que não entraria na água. Quebrei a cara: desta vez estava vazio e com a água bem azul como vocês podem ver nas fotos.

Como já comentei, o lugar é bem mais vazio no inverno e as piscinas estavam limpinhas e rodeadas de montanhas cobertas de neve. Fica o aprendizado: na dúvida, leve roupa de banho.

Por volta das 13 horas o local começou a encher, então vale chegar cedo! Como já tínhamos aproveitado o lugar, pegamos o caminho de volta por volta das 14 horas. Com direito a algumas paradas para foto.

Enfim, foi um dia perfeito em mais um passeio com a agência Indo pro Chile, uma das parceiras do blog. Lembrando que eles trabalham com grupos pequenos.  Neste dia, éramos apenas três pessoas: eu e mais o casal Julia e Thiago, muito simpáticos e mineiros, como eu. Aproveitamos a volta com algumas paradas para fotos.

Clique aqui para fazer um orçamento desse passeio com a agência Indo pro Chile. 

Texto revisado por Bárbara Mussili, criadora do blog Refúgio Ameno

Planeje sua viagem com a gente!

Fazendo suas reservas aqui pelos links do blog você não paga nada a mais por isso, e ainda ajuda na manutenção da nossa página. Nossos parceiros foram escolhidos a dedo. Então não custa nada ajudar a gente.

 

Posts Relacionados

6 comentários

saidsavoy (@saidsavoy) 3 de setembro de 2019 - 10:56

bom dia, se DEUS quiser chegaremos em Santiago dia 26/9 à noite. Tá tendo neve em farellones ??? É seguro locar 1 carro para ir a Val Paraiso ??? tô cheio de dúvidas

Reply
Rosi Guimarães 4 de setembro de 2019 - 15:30

Oi!
Infelizmente pouca neve em Farellones. Sobre aluguel de carro, é importante ficar de olho nesse post https://nosnochile.com.br/atencao-5-golpes-comuns-em-santiago-do-chile/
Um abraço!

Reply
sheila 19 de agosto de 2019 - 10:58

Na full tour que foi indicada pelo blog eu entrei em contato e falaram que não estão fazendo o passeio do Cajon por estar fechado. Vou tentar essa outra agência agora. Obrigada pela dica!

Reply
Rosi Guimarães 19 de agosto de 2019 - 16:22

Sheila,
Não conhecemos a agência Full tour deve estar tendo algum engano. Aqui nossa lista de agências parceiras https://nosnochile.com.br/parceiros/ Esse passeio fiz com a agência Indo pro Chile.
Um abraço!

Reply
Felippe Freitas 2 de agosto de 2019 - 21:01

Olá Rosi, boa noite.

As agências já oferecem este passeio ?

Fácil de encontrar ?

Alguma ideia de valores?

Tenho lido muitas dicas (ótimas por sinal) no Nós no Chile.

Obrigado.

Reply
Rosi Guimarães 4 de agosto de 2019 - 20:08

Oi Felippe,
eu fiz o passeio com a agencia Indo pro Chile, uma das agências parceiras do blog, deixei o link com o contato deles no final do post.
Um abraço!

Reply

Gostou? Deixe aqui seu comentário