Deserto Florido chile

Deserto Florido no Chile: onde o inacreditável acontece

Imagina um deserto árido. O mais árido do mundo. Dá para acreditar que nascem flores nessa terra seca? Nasce. Eu vi com os meus próprios olhos. O Deserto mais árido é também o mais florido do mundo. Um milagre!

Deserto Florido chile

Já contei nesse post aqui, como eu e minha amiga Bárbara Mussili tivemos o click de ir ver o Deserto Florido. Você tem que ler para entender toda nossa história.

Região onde as flores nascem

Muitos pensam que o Deserto Florido está perto de San Pedro do Atacama mas não está. A região do Deserto do Atacama é muito grande. O Deserto floresce perto da cidade de Copiapó, veja no mapa abaixo.

Período para ver o Deserto Florido

Deserto Florido chile

Geralmente, entre princípio de agosto até meados de outubro, mas é imprevisível. É um fenômeno que não acontece todos os anos, Em 2015, por exemplo, não nasceram flores no Deserto. E segundo o nosso guia Claudio, essa é a maior floração dos últimos 20 anos – informação que pode ser confirmada aqui no site da Sernatur Atacama. Eu e a Bárbara tivemos o privilégio de ver essa beleza de perto. É algo realmente inacreditável. Um sonho realizado.

Como acontece o fenômeno

Deserto Florido chile

Como já disse, esse ano de 2017 foi atípico. Choveu mais e a floração foi a maior dos últimos anos. Para as flores nascerem nessa região, são necessárias algumas condições especiais: umidade perfeita, milímetros de água de chuva ideais e a chamada camanchaca, que é um tipo de neblina costeira, dinâmica e espessa, que ocorre no litoral do Oceano Pacífico. Além do grande responsável pela polinização que é o Caravajo, esse bichinho aí, uma espécie de besouro que sobe no caule, busca o pólen e enterra a semente  que pode estar de 25 a 30 anos enterrada até germinar e florescer.

Deserto Florido chile

Como chegar?

Como já contei nesse post, o aeroporto mais próximo é o do Deserto de Atacama, que fica em Caldera e a 50 km de Copiapó, não é do de Calama, como todos pensam. E, para surpresa de todos e a minha também, Copiapó está a 700 quilômetros de distância de San Pedro do Atacama.

Você tem a opção de chegar no aeroporto e alugar um carro para fazer o trajeto. O ideal é procurar a loja da Sernatur, que está na praça principal de Copiapó para buscar informações e não cair em furadas.

Deserto Florido chile

Eu e a Bárbara pesquisamos várias agências e optamos por contratar um tour exclusivo. Queríamos fazer tudo no nosso tempo, já sabíamos que iríamos tirar milhões de fotos. E não nos arrependemos.  Contratamos o tour com uma pessoa que conhece muito bem a região e já fez esse trajeto mais de 15 vezes só nesse ano. Quem nos levou para ver as flores do deserto foi o Claudio, um Santiaguino apaixonado pela região.

Foram 400 quilômetros percorridos. Isso mesmo, não é só chegar em Copiapó e caminhar um pouco para ver as flores não.  A região do Deserto é enorme, as flores estão espalhadas em determinados locais e com o guia nós tivemos a oportunidade de ver espécies raras, em extinção. Já já vou contar os detalhes.

Deserto Florido chile

O Cláudio chegou no hotel às 9 horas da manhã, já estávamos na porta esperando com água, lanches, protetor solar, muita disposição e ansiedade. Assim que entramos no carro ele já nos explicou a rota que iríamos percorrer:  Ruta 5,  Camino Totoral, Parque Nacional Llanos de Challe, Ruta Costera, Carrizal Bajo, Playa Blanca, Huasco, Vallenar.  400 quilômetros de estrada pela frente. E lá fomos nós, felizes da vida! E a Bárbara me falou: – Rosi, acho que vou me emocionar ao ver a primeira florzinha.


Começamos nosso trajeto e a única paisagem que víamos era terra seca, mal podíamos acreditar que flores poderiam brotar nesse solo. Depois de cerca de 40 quilômetros, nossa primeira parada – Ruta 5, as flores já davam o ar da graça.  Nós duas descemos correndo do carro para apreciar tamanha beleza e delicadeza. O guia Claudio nos falou que aquilo ainda não era nada. 

 

Nessa foto você pode perceber a delicadeza das flores:

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Seguimos caminho e a paisagem foi ficando cada vez mais colorida. Eu e a Bárbara não cansávamos  de comentar e mostrar o que víamos uma para a outra. A próxima parada foi em Totoral – uma cidadezinha de umas 50 casas e uma rua, mas não vimos ninguém na cidade. A igreja estava aberta, paramos para conhecer: é a terceira mais antiga da região. Parecia uma cidade fantasma. Procuramos por um banheiro mas sem sucesso. Viajar para o Deserto é isso, fazer xixi no mato faz parte, levar lanches e água, nada para comprar em lugar nenhum.

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Pegamos a Ruta Costera, mas ainda em Totoral, paramos para ver muitas variedades de flores, dentre elas, uma preciosidade: a Garra de León – única no mundo e só floresce nessa região do Deserto, uma maravilha que está em extinção, então, é tratada com muito carinho pelo povo da região. Tinha uma senhora nesse local que nos contava com orgulho sobre essa flor especial. E reparem a perfeição dela. Ela existe nas cores vermelha e amarela, porém, nós só vimos a vermelha.

Deserto Florido chile

Garra de Leon

Garra de Leon

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Esse é o local onde concentra a maior variedade e diversidade de flores de todo o Deserto. São mais de 200 espécies de flores. Vou aproveitar para mostrar algumas que vimos:

Añañuca

Añañuca

Relicario

Relicario

Pata de Guanaco

Deserto Florido chile

Napin

Deserto Florido chile

Viola del Campo

Deserto Florido chile

Suspiro de Campo

Deserto Florido chile

Continuamos nossa rota e de longe já avistamos o mar. Meu Deus! Que coisa mais linda, paramos de novo para mais fotos com o mar no fundo.

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile
Seguimos caminho e nossa próxima parada foi em Carrizal Bajo, um povoado muito pequeno com alguns barcos e poucos pescadores. Também tive a sensação de cidade abandonada.

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Pegamos o Ruta Costera de novo e seguimos o caminho com a presença do mar ao nosso lado o tempo todo. Olha de um lado , a cordilheira, e de outro o mar, coisa mais linda do mundo. Depois de mais alguns quilômetro percorridos chegamos no Parque Nacional Llanos de Challe, onde está a linda Playa Blanca. E até na areia branca havia flores.

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

O Parque tem camping e vimos algumas poucas barracas. Segundo o guia Claudio, no verão o Parque fica lotado e o lugar é maravilhoso à noite, vista linda das estrelas.

Deserto Florido chile

Quanta coisa linda em um mesmo dia, quanta paisagem diferente nossos olhos estavam vendo. Continuamos e chegamos então em Huasco – uma cidade produtora de azeites. Ali o verde já era mais intenso, é uma das últimas cidades do Deserto por isso o verde era mais predominante. Paramos no pequeno porto da cidade para tirar fotos.

Deserto Florido chile
Deserto Florido chile

Dali pegamos o caminho de volta para Copiapó, mas não era o mesmo caminho que viemos. Fomos para Vallenar e depois Ruta 5 até Copiapó. Nesse trajeto ainda vimos muitos flores e paramos para mais fotos.

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Deserto Florido chile

Quase chegando em Copiapó o Claudio nos elogiou. Ele nos disse que todos voltam dormindo e que depois de mais de 10 horas de passeio a gente continuava conversando e comentando sobre as flores.

Deserto Florido chile

Foi um passeio realmente incrível, conhecemos uma região do Deserto que não imaginávamos. Chão seco, cidades fantasmas, mar, areia branca, cidades verdes e muitas flores. Foi muito emoção para um dia só. O inacreditável realmente acontece nessa região do Deserto do Atacama. Só pulando mesmo de tanta alegria em ter a oportunidade de presenciar esse milagre na natureza!

Deserto Florido chile

Dicas importantes:

  • Levar água e lanches;
  • É imprescindível o uso de protetor solar;
  • Roupas leves e confortáveis. Um casaco mais pesado para o frio, passamos por algumas regiões com muito vento e temperaturas de 8º;
  • As flores são muito frágeis, cuidado para não pisar e recomenda-se não arrancá-las;
  • Nem pense em tentar levar uma mudinha das plantas para sua casa, elas só florescem nesse ambiente do Deserto;
  • Cuide na natureza, evite deixar qualquer tipo de sujeira nos locais por onde você passar.

Deserto Florido chile

Confesso que fiquei muito feliz em fazer essa viagem com minha amiga Bárbara. Não sei se meu marido e filhos teriam a paciência de percorrer 400 quilômetros vendo flores. Você pode fazer um passeio mais curto e também ver flores, nós optamos pelo passeio mais completo e vimos mais variedades de flores e conhecemos uma linda região do Norte do Chile.

Mais informações sobre o Deserto Florido:

Fizemos o passeio com a agência Casther. Meu contato foi com o  o Emilio +56 9 9645 64 04. Ele me deu 40% de desconto nesse tour e em troca estou divulgando o contato dele aqui. O tour com desconto saiu por $86.000 Pesos Chilenos.  Lembrando que foi um passeio exclusivo e deu tudo certo. Adoramos!

Já falei isso no outro  post e vou falar aqui de novo, a minha amiga bárbara Mussili, além de ser ótima companheira de vagem, me ajudou muito. As fotos mais lindas são dela, me ajudou também com a revisão do texto. Ela ama ler e escrever e também tem um blog – Refúgio Ameno. Acesse para conhecer o trabalho dela.

Deserto Florido chile

Planeje sua viagem com a gente!

Fazendo suas reservas aqui pelos links do blog você não paga nada a mais por isso, e ainda ajuda na manutenção da nossa página. Nossos parceiros foram escolhidos a dedo. Então não custa nada ajudar a gente.

Artigos Relacionados

About the Author

Rosi Guimarães
Author with 229 posts
More about Rosi Guimarães

Sou Rosi Guimarães, mineira de Belo Horizonte, casada com Flávio e mãe do Arthur e da Yasmim. Moramos no Chile desde 2014. Relações Públicas e pós-graduada em cerimonial e organização de eventos. Deixamos uma vida bem estruturada em Belo Horizonte e cá estamos: NÓS NO CHILE!
- Facebook: nosnochile
- Twitter: @nosnochile
- Instagram:@blognosnochile
- snap: blognosnochile

1 Comment

  • Chile: Deserto Florido e Bahia Inglesa na mesma viagem
    20 de setembro de 2017 - 10:09

Gostou? Deixe aqui seu comentário

A AUTORA

Rosi Guimarães

Sou Rosi Guimarães, mineira de Belo Horizonte, casada com Flávio e mãe do Arthur e da Yasmim. Moramos no Chile desde 2014. Relações Públicas e especialista em cerimonial e organização de eventos. Deixamos uma vida bem estruturada em Belo Horizonte e cá estamos: NÓS NO CHILE!

Mondial Travel - Nós no Chile
Rentcars - Nós no Chile
10% de desconto - Brazilian Travel Card

TEMPERATURA

Santiago - Chile
7°
Weather from OpenWeatherMap