Temporada de neve no Chile 2024: tudo o que você precisa saber

Está quase chegando o momento mais esperado pelos turistas: a temporada de neve no Chile 2024

A previsão promete: no dia 1 de maio já caiu uma nevasca e, no dia 7, nevou em Santiago – coisa rara de acontecer. Para as próximas semanas deve cair ainda mais chuva e há previsão de muita neve no Valle Nevado. Então, dedos cruzados!

E se você ainda não me segue no Instagram, aproveita para seguir e não perder nenhum stories, mostrei a previsão da nevasca lá! 

O inverno só começa oficialmente no dia 21 de junho de 2024 e já estaos ansiosos pela melhor época do ano. As temperaturas estão baixas na Região Metropolitana, mas a tendência é cair ainda mais.

Quer saber tudo sobre a neve no Chile? Então siga lendo este post!

Qual o melhor mês para ver neve no Chile?

É importante saber que a neve que vai durar de fato começa a cair de junho até meados de setembro. E tudo depende das condições climáticas. A probabilidade de ver neve em cada mês, com base na minha experiência e morando há muitos anos no Chile, é a seguinte:

Maio: é sorte ver neve. No entanto, em 2024 já subi a Cordilheira e pude ver muita neve, veja esse vídeo do Youtube. 

Junho: No início é possível ver neve. Segunda quinzena: é muito provável ver neve.

Julho: o mês mais certeiro para ver neve.

Agosto: início do mês é muito provável ver neve. Segunda quinzena: já aconteceu de não ter mais neve em Farellones, que é a estação de esqui que fica em baixa altitude. No entanto, em 2023, estava cheio de neve nesta época.

Setembro: pouco provável ter neve em Farellones. Provável que tenha neve no Valle Nevado (a estação com alta).

Temperatura no inverno chileno

As temperaturas em Santiago já estão baixas. No inverno, as manhãs começam bem geladas, em torno de 4 graus, e a máxima é de 10 a 18 graus na parte da tarde. Quanto menor a temperatura e maior a possibilidade de chuva, melhor para quem quer ver a neve.

Já nas estações de esqui, dependendo da altura, as temperaturas podem chegar a -10 graus.

Também é importante saber que amanhece por volta das 7h40 e escurece por volta das 17h50. Assim, temos manhãs e fins de tarde bem frios.

Em Santiago, até 2 de setembro, ficamos com uma hora de fuso a menos com relação ao horário de Brasília (horário de inverno no Chile).

Dicas e planejamento para a viagem de inverno no Chile 2024

Com certeza você já soube de alguém que passou por sufocos fora do país por desconhecimento ou por falta de planejamento. Por isso, vou deixar algumas informações para que você, que deseja ver a neve no Chile em 2024, possa planejar a sua viagem de inverno com sucesso.

Passagem de avião

Antes de tudo, se você pretende conhecer Santiago e região, vai precisar comprar o seu voo para o aeroporto de Santiago – Aeroporto Arturo Merino Benítez. Em apenas 4 horas de voo saindo de São Paulo, você chega a Santiago.

Atualmente, as companhias aéreas que partem do Brasil e com melhores preços são: Latam, Ski, Aerolíneas Argentinas e Jet Smart.

O aeroporto está localizado a 20 minutos do centro e cerca de 30 minutos dos bairros de Providencia, Las Condes e Vitacura, regiões que eu mais recomendo a você se hospedar.

Documentação exigida para entrar no Chile

Brasileiros não precisam de passaporte para entrar no Chile, apenas da identidade (RG). No entanto, é recomendado que o documento tenha menos de 10 anos de uso. Agora, se você tem passaporte e quer usar na sua viagem para o Chile, ele precisa estar dentro do prazo de validade e será carimbado na imigração.

Declaração SAG

É um  formulário que você precisa preencher para declarar se está entrando no país com algum produto de origem animal ou vegetal. A Declaração Digital de entrada no Chile, pode ser preenchida on-line, através deste link.  O formulário também está disponível em papel no aeroporto de Santiago.

Seguro viagem

Apesar de não ser obrigatório para entrar no Chile, eu recomendo muito.  Afinal, a saúde no Chile é bastante cara. Com menos de 100 reais é possível contratar um seguro viagem com desconto. Para esquiar, é importante que o seguro tenha cobertura para a prática de esportes.

Se quiser saber mais sobre seguro viagem para esportes, leia este post completo.

Se quiser conhecer os melhores seguros e os mais em conta, acesse aqui.

Onde se hospedar durante a temporada de neve no Chile 2024

Se hospedar em Santiago ou na montanha, pertinho da neve? As duas opções são interessantes! A escolha vai depender do seu objetivo.

A cidade oferece diversas opções para se hospedar em bons bairros e com hotéis desde de luxo até hospedagens mais econômicas. A vantagem é que você pode encontrar o ideal para o seu orçamento levando em conta as exigências que busca: conforto, exclusividade, localização, estrutura, estrelas, amenidades e mais.

As grandes redes hoteleiras se concentram principalmente nos bairros (ou comunas, como eles chamam aqui) de Las Condes, Vitacura e Providencia, que são as regiões que eu recomendo atualmente para ter uma boa experiência na sua viagem. Você também pode optar por hotéis locais, com bom custo-benefício.

Isso porque, nessas três regiões, você vai encontrar os melhores hotéis de Santiago, assim como restaurantes, pubs, entretenimento de qualidade e ainda ter fácil acesso a transporte público, espaços arborizados – além de serem lugares mais seguros também.

Quer se hospedar em Las Condes? Leia este post.

Quer se hospedar em Vitacura? Leia este post. 

Quer se hospedar em Providencia? Leia este post. 

Hospedagens na neve no Chile 2024

Nada como se hospedar na neve para aproveitar as estações de esqui ou estar próximo a elas. Se esta é a sua opção, você pode optar por:

Hospedagem no Valle Nevado Ski Resort: possui três hotéis: Valle Nevado, Puertas del Sol e Tres Puntas. Saiba mais, aqui.

Hospedagem em Farellones: no Chalet Valluga ou Hotel Farellones. Hoteis menores, localizados no povoado de Farellones, com bom acesso às estações de ski El Colorado, La Parva e Farellones. Saiba mais, aqui.

Hotel Portillo: fica no caminho para a Argentina e tem o grande  Hotel Portillo, com 123 quartos e outras opções de hospedagem no centro. Saiba mais, aqui.

Hotel Termas de Chillán: resort de montanha conhecido por sua beleza natural e instalações termais. Situado na região da Cordilheira dos Andes, a aproximadamente  a 82 km da cidade de Chillán, oferece uma experiência única de relaxamento, aventura e conforto. Leia como foi a minha experiência lá.

Então, se você vai visitar o Chile no inverno,  a vantagem é que você pode encontrar o ideal para o seu orçamento e tipo de viagem.

VOCÊ NO CHILE: Guia de inverno

Quer viajar para o Chile e não sabe por onde começar?

Então, conheça o VOCÊ NO CHILE: Guia de inverno, com o passo a passo completo para uma viagem segura e assertiva. O guia VOCÊ NO CHILE é ideal para qualquer pessoa que esteja planejando uma viagem no inverno para Santiago e arredores. Clica para mais informações .

O que você vai receber ao adquirir o Guia?

Com nosso material, você terá acesso a informações privilegiadas, dicas locais e roteiros planejados que irão garantir que sua viagem seja verdadeiramente inesquecível. 

Roteiros organizados: Explore Santiago, Valparaíso, Viña del Mar, vinícolas do Valle del Maipo e Casablanca, e muito mais com o nosso roteiro de 7 dias detalhado para que você possa aproveitar ao máximo cada momento da sua viagem.

Dicas de insider: Descubra os melhores restaurantes locais, mercados de artesanato, pontos turísticos e atividades únicas que só quem mora aqui sabe que vale a pena. Evite passeios e programas do tipo “pega turista”.

Informações práticas: Desde dicas de transporte até conselhos de segurança, nosso infoproduto entrega todas as informações práticas que você precisa para viajar com confiança pelo Chile.

Cultura e história: Mergulhe na rica cultura e história do Chile com dicas do que visitar e  conhecer mais sobre sua arte, culinária e patrimônio histórico.

Bônus especiais: como presente, incluímos bônus exclusivos para quem viaja com crianças e listas de restaurantes, hotéis, museus e vinícolas que irão te ajudar a organizar a sua viagem.

São 8 módulos, divididos entre 23 vídeos e materiais didáticos para baixar com um roteiro de 7 dias em Santiago e arredores. Os vídeos são bem didáticos e direto ao ponto com, no máximo, 12 minutos de duração.

Saiba mais sobre o Guia Você no Chile, neste link. 

O que levar na mala para o Chile?

Muitas pessoas me perguntam sobre as roupas que devem trazer para viajar nesta época. Na hora de fazer a mala para aproveitar o inverno e a neve no Chile 2024, vale a pena planejar bem os passeios.

Em Santiago, o ideal é usar várias camadas para não sentir frio:

1ª camada: é o que chamamos de segunda pele, como blusas térmicas. Elas são de tecido sintético (como o da meia-calça, só que bem mais grosso), mais coladinhas no corpo. 

2ª camada: o ideal é que ela seja composta por peças de fleece, um tecido que chamamos aqui de polar. Para quem não tem, ou não quer comprar, pode ser uma blusa de moletom grossa ou de lã.

3ª camada: tem que ser de agasalhos bem grossos, como sobretudos e jaquetas. O ideal são peças bem quentinhas e impermeáveis, que podem ser usadas na neve.

Vocês podem abusar das botas, toucas, cachecóis e gorros. 

Já para quem vai curtir a neve, a minha dica é saber quantos dias você vai passar na montanha. Minha sugestão é que, se for a primeira vez, o melhor é alugar, pois você nem sabe se vai gostar.

Se for só um dia, não compensa comprar roupas de neve, mas se pretende conhecer outros centros de esqui e praticar o esporte várias vezes, aí vale o investimento da compra.

Saiba aqui onde comprar roupas de inverno no Chile. 

Outra coisa, quando se aluga há muitas opções e você poderá escolher o que mais vai combinar com você. Para se ter uma ideia, o aluguel de um conjunto para neve (casaco, calça, bota e luvas estava cerca de $35.000 pesos chilenos em 2023.

Onde ver a neve no Chile 2024: estações de esqui próximas a Santiago

Para a maioria das pessoas que visitam o Chile no inverno, o passeio mais esperado é o da neve. Seja para brincar, praticar ski ou snowboard, as opções são variadas no Chile.

A primeira coisa que você deve saber é que as estações de esqui ficam a cerca de 1h30 de Santiago. O caminho para a montanha passa pela cidade e depois é de subida, quando se percorrem 60 curvas para chegar ao topo.

Lá estão as estações Valle Nevado, Farellones, El Colorado e La Parva. Já a estação de Portillo, é um pouco mais longe, no caminho para a Argentina.

Conheça um pouco de cada uma das estações de esqui e escolha quais quer visitar no inverno do Chile:

Farellones

É um parque na neve com atividades que vão além da prática de esqui, como teleférico, tirolesa, tubing, biking, trenó, etc. Indicado para quem quer brincar na neve com a família ou em grupo, se divertindo com as várias atrações.

O valor da entrada dá direito a todas essas atividades, que ficam divididas em três setores: cumbre, intermediário e base. A estação é uma das mais procuradas, por isso, procure chegar cedo para aproveitar. 

Saiba como aproveitar um dia de neve em Farellones.

El Colorado

Esta estação é ideal para esquiar, já que não oferece outra atividade, ou seja, o esporte é o foco. São quarenta pistas de esqui disponíveis com opção de aulas para crianças e adultos. Costuma estar mais vazia que Farellones.

La Parva

Já esta é uma estação bastante frequentada pelos chilenos e menos conhecida pelos brasileiros. Contudo, é outra boa opção para passar o dia esquiando. Leia a minha experiência em La Parva. 

Valle Nevado

O Valle Nevado é muito frequentada por turistas brasileiros, aliás, essa é umas das estações de esqui mais famosas do Chile. Trata-se de um ski resort, um complexo turístico formado por três hotéis, seis restaurantes, spa e fitness center, cinema, bares, teleférico e quarenta pistas para esqui e snowboard. Saiba mais sobre o Valle Nevado. 

Portillo

Portillo é a que fica mais longe de Santiago (160 quilômetros de distância no caminho para Mendoza (Argentina) e passando pela estrada conhecida como Los Caracoles).  Conheça a estação de ski Portillo. 

Quanto custa um dia de passeio na neve no Chile em 2024?

Já temos os valores de quase todas as estações para a temporada de neve 2024. Eu fiz um post só sobre isso. Leia aqui. 

Deixo aqui um resumo das tarifas:

Valle Nevado: não cobra entrada, mas na alta temporada, para entrar na estação é preciso ter um ticket para gôndola ou para esquiar. 

  • Ski Day de 13 anos ou mais (ticket + equipamentos): a partir de CLP $75.000.
  • Ski Day para menores de 12 anos (ticket + equipamentos): a partir de CLP $39.000.
  • Passeio de gôndola para 13 ou mais: a partir de CLP $53.000. Obs: crianças acompanhadas de adultos não pagam.

Farellones: as estações definem as datas de temporada alta e baixa e o valor dos tickets varia nestes dois períodos.

  • Temporada alta: 24 de junho a 21 de julho e 15 a 18 de agosto de 2024.
  • Temporada baixa: todos os dias, exceto a temporada alta.
  • Entrada geral (12 anos ou maior de 1.21 m altura): CLP $45.000 (temporada alta) e CLP $37.000 (temporada baixa).
  • Entrada menor (de 6 anos ou de 1 a 1,20 m): CLP $23.000 (temporada alta)  e CLP $19.000 (temporada baixa).

El Colorado: a temporada alta é considerada todos os sábados, domingos e feriados, além do período entre 1 e 21 de julho e 15 a 18 de agosto de 2024. Já a temporada baixa é de segunda a sexta, exceto feriados e o período da temporada alta (1 e 21 de julho e 15 a 18 de agosto de 2024).

  • Entrada geral (25 a 64 anos): CLP $67.000 (temporada alta) e CLP $62.000 (temporada baixa).
  • Entrada menores (5 a 12 anos): CLP $45.000 (temporada alta) e CLP $40.000 (temporada baixa).
  • Entrada estudante (13 a 24 anos): CLP $51.000 (temporada alta) e CLP $46.000 (temporada baixa).
  • Entrada sênior (desde 65 anos): CLP $51.000 (temporada alta) e CLP $46.000 (temporada baixa).

A estação também oferece pacotes para quem quer fazer aulas, com valores únicos para as temporadas alta e baixa.

Aproveite para ler o post que fiz sobre quanto custa viajar para o Chile em 2024: com preços de passagens, hospedagens, passeios, transfer, alimentação e seguro-viagem.

Importante!

Para saber os valores em real: pegar o valor em pesos chilenos (CLP) e dividir por 185 (cotação do peso chileno nesta semana)

Esses valores acima estão sem transporte para as estações de ski e sem o aluguel de roupas de neve que custam, em média CLP $35.000, o conjunto completo: botas, calça, agasalho e luvas impermeáveis.

Você pode fechar o pacote completo para os passeios de neve com as nossas agências parceiras. O pacote inclui: transporte para os centros de ski, entradas nos parques e para quem deseja esquiar, o ski day. Clica aqui para fazer um orçamento. 

São agências da nossa confiança, testadas e aprovadas por nós e com excelentes avaliações no TripAdvisor

Quantos dias devo reservar para a neve?

Sempre me perguntam quantos dias devem ser dedicados para as estações de esqui. E eu sempre respondo que isso vai depender muito da experiência que você quer ter. Se você quer praticar ski ou snowboard, pode até pensar na possibilidade de conhecer duas estações diferentes.

Mas se você só tem um dia para esta atividade no roteiro, o ideal é escolher uma estação e permanecer nela para aproveitar tudo o que ela oferece.

Agora, se a sua ideia é brincar na neve, as agências oferecem passeios panorâmicos que programam uma parte do tempo em Farellones e outra no Valle Nevado.

Outros passeios que você pode fazer no inverno no Chile 2024

Se você quer aproveitar melhor a viagem, é importante reservar alguns dias para conhecer a cidade de Santiago e os inúmeros passeios por aqui. Afinal, nem só de neve vive o inverno chileno.

Conheça uma vinícola

A primeira dica que gostaria de compartilhar é a visita às vinícolas. Mesmo no inverno, essa pode ser uma experiência incrível. Embora as parreiras estejam secas e em processo de renovação, é uma época bastante interessante para conhecer o processo de produção dos vinhos chilenos e, é claro, para degustá-los.

Valle de Maipo: Aquitania, Haras de Pirque, Chocalán, Undurraga, Pérez Cruz, Tarapacá, Alyan, El Principal, Santa Rita, Cousiño Macul, Santa Carolina e Concha y Toro. 

Saiba sobre as vinícolas, aqui.

Valle Casablanca: Casas del Bosque, Attilio & Mochi, Veramonte, Bodegas Re e Estancia El Cuadro. Veja aqui.  

Centro histórico de Santiago

Além disso, visitar o Centro Histórico de Santiago é um passeio interessante. Dá pra fazer tudo isso em apenas um dia e aproveitar para conhecer diversos pontos turísticos.

Comece assistindo a Troca de Guarda que acontece em dias alternados dependendo do mês (em alguns meses acontece em dias pares e em outros, dias ímpares, veja aqui). Aproveite para conhecer o Palácio de La Moneda – sede do governo chileno, que tem visita guiada grátis (necessita fazer reserva antecipada).

Outra boa dica é visitar o Centro Cultural La Moneda, no subsolo da praça, pois sempre há exposições e atividades culturais nesse espaço. Enfim, tem também lojinhas de artesanato, simpáticas cafeterias e wi-fi grátis.

Parque Metropolitano de Santiago

Vale a pena subir o Cerro San Cristobal de funicular – uma espécie de bondinho. Chegando lá em cima, você encontra o Santuário Imaculada Conceição, com uma imagem de 22 metros de altura. Além disso, você tem uma vista maravilhosa de Santiago. Depois, pode descer de teleférico e chegar em Providencia. Saiba mais sobre esse passeio, aqui.

Veja a minha sugestão de roteiro de 7 dias no inverno.

E que tal assistir um vídeo que fiz contando todas as novidades sobre a temporada de neve no Chile em 2024?

 

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ao comentar você concorda com nossa Política de Privacidade