Impossível vir ao Chile no inverno e não visitar, ao menos, uma estação de esqui. As estações de esqui do Chile são uma das atrações mais procuradas pelos turistas brasileiros nos meses de junho, julho e agosto.

Já chegou o outono e, com ele bate a ansiedade de quem já está programando sua viagem de férias para o Chile com um propósito muito especial: curtir a neve!

Então, vamos explicar como escolher a estação de esqui que combina com as suas expectativas.

Lembrando que o inverno chega no dia 21 de junho, ou seja, não falta muito. E quando é que a neve chega? Bom, essa é uma pergunta difícil de responder.

Em 2022, por exemplo, a primeira nevasca que durou caiu no começo de junho e a temporada de inverno começou em seguida. Pode-se dizer que esse é o período esperado, mas não dá pra ter certeza. Pode ser tanto um pouco antes quanto depois.

Fato é que a capital santiaguina já está com temperaturas um pouco mais baixas, variando entre 20 e 10 graus.  E lá no alto da montanha, a variação está entre 14 e 2 graus.

Agora é torcer para continuar caindo e, principalmente, para a chuva chegar.

E quando abrem as estações de esqui? Geralmente em meados de junho todas já estão abertas. O Valle Nevado abriu as pistas de esqui em 2022 no dia 17 junho. Isso significa que os hotéis já estavam funcionando e as pistas de esqui também. 

Aproveita para ler tudo sobre a neve no Chile, aqui.

Acreditando que a mãe natureza vá fazer sua parte, vamos ao que interessa!

Qual é a melhor estação de esqui?

Bem, essa dúvida sempre surge justamente porque há várias opções de estações de esqui no Chile. Então, para saber o que mais combina com você, com sua família ou com seus amigos, vamos contar como cada lugar funciona.

Assim, facilitamos sua escolha. Fato é que, se você quer esquiar, a melhor opção é escolher uma estação e ficar nela. Seja Valle Nevado, Farellones, La Parva ou El Colorado. Afinal, todas oferecem pacotes de esqui ou snowboard com aulas.

Então, recomendamos que você faça as aulas, pois, é importante para aprender as técnicas e, assim, aproveitar mais as pistas de esqui.

Como escolher uma das estações de esqui do Chile

A primeira coisa que você deve saber é que as estações de esqui do Chile ficam a cerca de 1h30 de Santiago.

O caminho para a montanha passa pela cidade e depois é de subida, quando se percorrem sessenta curvas para chegar no topo.

A distância de Santiago é de aproximadamente 45 quilômetros e parte do percurso é uma subida com muitas curvas: 40 até Farellones e mais 20 até Valle Nevado.

Inclusive, é lá que fica a estação mais alta e mais conhecida entre os brasileiros, o Valle Nevado.

Antes dela, estão as estações de Farellones, El Colorado e La Parva. Vou falar também sobre a estação de Portillo, mas essa está em outra direção e um pouco mais longe.

  • Dica!

Outra informação importante é sobre as roupas e equipamentos para a prática do esqui. Na ida, as agências param em lojas de aluguel para que você alugue o que for necessário.

Mesmo para os que não desejam esquiar, é importante estar com roupas, luvas e botas impermeáveis.

O casaco e a calça são colocados por cima da roupa que você já está vestindo e que também deve ser adequada para o frio.

Já os calçados são trocados pelas botas e podem ficar guardados na van. Além disso, uma pergunta frequente é sobre a quantidade de dias no roteiro para a neve.

Se você quer se dedicar à prática do esqui ou do snowboard, pode até pensar na possibilidade de conhecer duas estações diferentes.

Mas se você só tem um dia para esta atividade no roteiro, o ideal é escolher uma estação e permanecer nela para aproveitar tudo o que ela oferece.

Agora, se a sua ideia é brincar na neve, as agências oferecem passeios panorâmicos que programam uma parte do tempo em Farellones e outra no Valle Nevado.

Estações de esqui próximas a Santiago do Chile

Farellones: para quem quer brincar na neve

É um parque na neve com atividades que vão além da prática de esqui, como teleférico, tirolesa, tubing, biking, cadeira panorâmica, trenó, etc. Ou seja, é mais indicado para quem quer brincar na neve com a família ou em grupos, se divertindo com as várias atrações.

Lançado em 2019, o miniparque é um espaço exclusivo e dedicado aos pequenos, com área para fazer boneco de neve, brinquedos infláveis, tirolesa, parede de escaladas e até uma boia que vai girando e puxando as crianças. A diversão está garantida para os pequenos.

O valor da entrada dá direito a todas essas atividades que ficam divididas em três setores: cumbre, intermediário e base.

Além disso, há aulas de esqui ou snowboard que se paga à parte. Se esquiar for o seu foco, as outras estações são mais recomendadas.

Outro detalhe é que, no inverno, Farellones costuma ficar muito cheio e você acaba perdendo tempo nas filas. Logo, procure chegar cedo.

Além disso, o local também não possui muita estrutura de banheiros (são banheiros químicos).

Na hora de comer, você deve pedir para carimbar seu braço para poder sair do parque e acessar os restaurantes que ficam na parte externa (setor cumbre) e depois retornar.

Ah! A entrada é grátis para menores de 99 cm. Acima dessa altura, valor normal.

 

El Colorado: para quem está focado em esquiar 

Este é um local ideal para esquiar ou praticas snowboard. Não oferece outra atividade, pois o esporte é o foco.

São quarenta pistas de esqui disponíveis com opção de aulas para crianças e adultos. A vantagem é que costuma estar mais vazia que Farellones e Valle Nevado.

Essa estação também oferece uma boa estrutura de restaurante e hotel. Há pacotes que incluem a hospedagem, almoço e desconto para aula e aluguel de equipamentos.

Já esta é uma estação bastante frequentada pelos chilenos e menos conhecida pelos brasileiros. Contudo, é outra boa opção para passar o dia esquiando.

La Parva está a 2.750 metros de altitude, próxima a El Colorado.

O pacote ski day oferece transporte, tíquete para esqui ou snowboard, equipamentos e aulas coletivas em três níveis de aprendizado. Além disso, possui sete restaurantes e bares.

Leia aqui sobre a minha experiência em La Parva.

Valle Nevado: a mais famosa e completa estação de esqui

Muito frequentada por turistas brasileiros, essa é umas das estações de esqui mais famosas do Chile. É também a mais alta: está a 3 mil metros de altura sob o nível do mar. O Valle Nevado Ski Resort é o lugar ideal para quem está buscando a melhor experiência no inverno do Chile.

Inclusive já tem dataa para a temporada de 2023: de 23 de junho a 24 de setembro, com funcionamento todos os dias.

A verdade é que o Valle não é somente uma estação. Como o seu próprio nome ressalta, trata-se de um ski resort, um complexo turístico formado por três hotéis, seis restaurantes, spa e fitness center, cinema, biblioteca, bares, teleférico e quarenta pistas para esqui e snowboard.

Resumindo, é uma opção não somente para um ski day, como também para um período de hospedagem com a família, com amigos ou até mesmo sozinho. Cada um dos hotéis foi pensado para atender perfis diferentes de clientes. Aproveita e já lê como se hospedar no Valle Nevado.

Mesmo sem se hospedar, há uma estrutura que funciona para um dia de esqui, com serviços de aulas individuais e coletivas, aluguel de equipamentos e lojas. Você também pode fazer passeios de gôndola e aproveitar a vista.

Eu conto tudo sobre quanto custa um dia no Valle Nevado, neste post.

Valle Nevado anunciou a data de abertura da temporada 2023

Portillo: a estação mais próxima da Argentina

De todas as estações de esqui do Chile, Portillo é a que fica mais longe de Santiago.

Afinal, são 160 quilômetros de distância no caminho para Argentina e passando pela estrada conhecida como Los Caracoles, são 29 curvas até o fim da estrada.

Ao mesmo tempo, um bonito e perigoso trecho da viagem. Ou seja, é bom estar atento para previsão meteorológica porque, em função das condições climáticas, os acessos podem ser bloqueados.

Ainda assim, é possível fazer um bate-volta de um dia só ainda que a estação também tenha opção de hospedagem.

O centro de esqui oferece a opção de esqui por dia com ticket + almoço, que é ideal para quem vai passar o dia. E você tem opção de locação de equipamentos à parte, que inclui esquis, pranchas de snowboard, botas e bastões. E atenção: em Portillo não há roupas para alugar, somente equipamentos.

Para quem quer se hospedar,  além de um centro de esqui, em Portillo tem o grande  Hotel Portillo, com 123 quartos e outras opções de hospedagem no centro de ski.

Leia aqui sobre a minha experiência em Portillo.

Seguro viagem para esportes

É muito importante contratar um seguro viagem, já que o parque não se responsabiliza com os acidentes.Para quem vai esquiar em pistas na América do Sul, o seguro viagem muitas vezes não é obrigatório, como na Europa, mas ainda assim é recomendado contratar um seguro viagem específico para esportes.

Apesar de ser perfeitamente fácil encontrar aulas para iniciantes nas próprias estações de esqui, é um esporte arriscado e que a prática pode levar anos para ser aperfeiçoada.

Ainda que você esteja acompanhado de profissionais qualificados, não há como garantir que você estará livre de algum acidente. Então, não dá para arriscar.

Sem dúvida, na relação custo-benefício, o investimento em um seguro viagem é muito pequeno em comparação à dor de cabeça e os problemas que você e seu grupo terão que enfrentar se algo não sair conforme planejado.

Afinal, podem ocorrer imprevistos que vão além dos equipamentos, como mudanças bruscas no clima, tempestades que não estavam previstas, entre outras eventualidades.

Saiba mais sobre o seguro viagem para esportes, aqui.

Afinal, qual estação escolher?

Com essas informações, você já pode escolher a estação de esqui que mais se adequa à sua expectativa.

Se você não quiser esquiar, pode brincar na neve em Farellones.

Mas se quiser esquiar em uma estação menor ou com menos turistas, você pode ir para El Colorado ou La Parva.

Por fim, se preferir conhecer a estação mais famosa, o Valle Nevado te espera. E ainda pode conhecer Portillo, se quiser combinar o programa com uma pequena viagem.

Mas independente de sua escolha, não deixe de fazer um bonequinho de neve e marcar a gente no Instagram do @blognosnochile, tá?

Não deixe de ler tudo sobre o inverno 2023 no Chile, aqui.

Escolha uma das nossas agências parceiras para fechar os seus passeios no Chile.

 

E também assistir o meu vídeo novo: